ATIVIDADES REALIZADAS POR FARMACÊUTICOS EM UMA FARMÁCIA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS – SC
PDF

Como Citar

ROMAN, C. F. ATIVIDADES REALIZADAS POR FARMACÊUTICOS EM UMA FARMÁCIA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS – SC. REVISTA DE SAÚDE DOM ALBERTO, v. 3, n. 1, p. 146-459, 17 jun. 2019.

Resumo

Dentre as atividades desenvolvidas por farmacêuticos da rede de serviços de saúde do município de Florianópolis somente é obrigatório o registro das dispensações ou fornecimentos de medicamentos. Assim, supõe-se que existem outras atividades que não são registradas e, portanto, não são identificadas nos relatórios obtidos do sistema informatizado. Com o intuito de identificar tais atividades e reconhecer as mais frequentes e as que requerem mais tempo, fez-se um estudo observacional sobre a rotina dos farmacêuticos em uma Unidade Básica de Saúde. Dois farmacêuticos foram entrevistados, os quais identificaram as atividades desenvolvidas e estimaram o tempo gasto com cada uma. Após, realizou-se observação direta do trabalho. Os farmacêuticos relataram utilizar cerca de 66,7% de seu tempo de trabalho com a dispensação e 14,0% com atividades administrativas. Durante a observação direta, encontrou-se que utilizaram, em média, 41,3% e 27,4% de seu tempo, respectivamente. Outras atividades foram relatadas e observadas no tempo restante. A rotina de trabalho difere da percepção dos farmacêuticos, além de haver atividades não registradas. Assim, o trabalho do farmacêutico passa a falsa impressão de se constituir somente de dispensação. Evidencia-se a importância do registro das atividades desenvolvidas para a obtenção de uma dimensão mais clara do trabalho do farmacêutico.

PDF